rolezinho

Rolezinho

Shopping nunca foi nada além de espaço de consumo, só estão cheios de atrações diversas para poder fazer o CONSUMIDOR ficar mais tempo lá, e claro, consumir.

Antes que venham me criticar, já digo que sou totalmente a favor do direito de ir e vir de qualquer um em qualquer espaço público. Totalmente contra qualquer tipo de preconceito e acima de tudo, totalmente contra dar vantagem para qualquer lado. Mas a justiça, no episódio da liminar concedida aos shoppings, deixa bem claro de que lado está. Só que parece que muita gente esqueceu de uma coisa: Shoppings são espaços PRIVADOS de CONSUMO. Quer passear, papear, fazer baderna, ou fazer nada? Vá para uma praça, parque, casa da sua mãe, ou pra PUTA QUE O PARIU! Quer comprar qualquer coisa? vá a um shopping. Ou pra 25 de março ou bras, é mais barato.

Uma vergonha ver gente sendo discriminada somente por parecer pobre. Ser pobre é crime? Porém, o buraco é mais embaixo, o problema não é parecer pobre, nem agir feito pobre, mas sim, fazer baderna onde não deve. Só que daí entramos em um assunto que chega a ser engraçado, eles parecem pobres?

1520821_636706689724113_130108273_n
Um dos organizadores do “Rolezinho”.

Podem até ser pobres, mas não querem ser. Honestamente, isso é como eles mesmos dizem “recalque”. Preferem mostrar o pouco que tem, gastar fortunas com uma coisa apenas para mostrar. Pior que alguns deles ainda são fazem questão de tatuar “HUMILDADE” em letras garrafais em partes do corpo bem a mostra. Isso é ser humilde? Em nenhum momento eles querem protestar contra algo, querem apenas fazer alarde. Eaí mídia? Vão falar o que agora?

Daí, pesquisando mais acabo por ver uma outra notícia que me chamou atenção: Agora, sem-teto prometem ‘rolezão’ em dois shoppings de SP

Segundo o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto), que organiza o evento, a expectativa é reunir 3.000 pessoas às 17h.

“[O ‘rolezão’] é um protesto contra essa postura preconceituosa, que fecha shoppings para as pessoas da periferia”, diz Jussara Basso, membro da coordenação do MTST.

PRECONCEITO? Qualquer grupo baderneiro, seja ele de funkeiros ou playboys, dentro de um SHOPPING seria barrado. Ainda mais se fizesse arrastão. O povo não quer lutar contra o preconceito, só quer causar. Leiam atentamente as reportangens.

Aposto que muitos dos funcionários das lojas ATACADAS vieram da periferia, e estes, com certeza são contra este “movimento”. Ainda tem gente falando de Apartheid, sendo que não tentam se colocar em ambos os lados.

Shoppings não foram feitos para isto, e ponto final.

Comentários

Comentários

O Rei Pirata, dentro da Aliança Pirata é o cargo máximo. A identidade do Rei Coruja nunca deve ser Revelada. O Rei Coruja muda de acordo com o objetivo da Aliança Pirata, nomeando a pessoa que se enquadra melhor no objetivo atual.